quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Se

Se não existisse
Se não me lembrasse
Se não me esgotasse
Se não se movesse
Se não chegasse tarde
Se não trouxesse um ramalhete de palavras
Se não fosse sinuosa a sua cintura
Se não fossem gulosas as suas horas
Se não fosse essa sua brancura
Se não fosse toda a sua classe
Se não fosse embora e voltasse
Eu arranjaria outro meio de lhe amar.


Angelo A. P. Nascimento
Postar um comentário
Related Posts with Thumbnails