domingo, 22 de setembro de 2013

Por que te amo



Amo de verdade
Num momento explícito
Amo porque te amo
Porque é impossível ser sem amar-te em demasia
Porque te olho dormindo
E o mundo torpe, em paz, faz silêncio.

[Meu amor está em casa]


Angelo Augusto Paula do Nascimento

Postar um comentário
Related Posts with Thumbnails